História

Início/Empresa/História
História 2016-12-07T22:39:44+00:00
Recepção e tratamento de resíduos MARPOL

A Eco-Oil iniciou a sua actividade em 1 de Junho de 2001 integrada no universo de participações da CUF – Companhia União Fabril SGPS, S.A. (sub-holding do Grupo José de Mello para a área Química).

Foi fundada com o propósito de assistir navios–tanque destinados aos estaleiros da Lisnave sediados na Mitrena e que igualmente integravam, à data, o Grupo José de Mello.

A decisão de construção da Eco-Oil, resulta da mudança do estaleiro de reparação naval da Lisnave de Lisboa para Setúbal e da consequente necessidade obrigatória do estaleiro promover o adequado encaminhamento e tratamento dos resíduos e misturas de hidrocarbonetos gerados a bordo dos navios tanque, por via da Convenção MARPOL 73/78 (International Convention for the Prevention of Pollution From Ships).

Com a instalação da Eco-Oil, a Lisnave ganha igualmente uma importante valência técnica de diferenciação no mercado da reparação naval, no segmento dos navios-tanque, com a capacidade de oferecer aos seus Clientes, um serviço de desgaseificação, com uma localização conveniente, junto ao estaleiro, e que concorre para a rápida entrada dos navio na doca, em condições de gas-free (isentos de gases combustíveis), condição essa necessária à execução dos trabalhos de reparação em total segurança.

2015
Para 2015, temos a expectativa de realizar investimentos associados ao aumento de capacidade e eficiência no tratamento de águas e na melhoria da qualidade do combustível produzido.
2014
Em 2014, a Eco-Oil assume a Vice-presidência da Euroshore.
2012
Em 2012, o âmbito da certificação é ampliado para “Recolha, Recepção e Tratamento de águas oleosas de origem marítima ou terrestre e valorização dos hidrocarbonetos, através da produção e comercialização de Fuelóleo” e a Eco-Oil obtém a Certificação integrada do seu sistema de qualidade com os Sistema de Gestão Ambiental e Sistema de Gestão da Segurança e Saúde no Trabalho, segundo os requisitos da Norma NP EN ISO 14001:2004 e a Norma OHSAS 18001:2007.

Ainda em 2012, inicia um importante processo de renovação e actualização dos sistemas de tratamento, controlo e monitorização do tratamento de águas e integração de novas unidades no tratamento de combustível.

2010
Em 2010, a Eco-Oil foi incorporada por fusão na Quimitecnica Ambiente, SA, sendo esta redenominada de Eco-Oil.

A empresa inicia a sua internacionalização, com a análise de diversas oportunidades de investimento noutras localizações.

2009
Em 2009, concluiu-se com sucesso o projecto de certificação de qualidade e a Eco-Oil obtém a certificação NP EN ISO 9001:2008.
2008
Em 2008 a Eco-Oil começa a estudar a sua abertura aos mercados internacionais, procurando activamente a diversificação de negócios através de novas parcerias.

Igualmente inicia o processo de ampliação dos códigos da Lista Europeia de Resíduos que pode gerir nas suas instalações.

2006
Em 2006, através de um “Management Buyout” a Eco-Oil é adquirida pela gestão de topo da empresa.
2001
A Eco-Oil, iníciou a sua actividade em 1 de Junho de 2001 integrada no universo de participações da CUF – Companhia União Fabril SGPS, S.A. (sub-holding do Grupo José de Mello para a área Química).